segunda-feira, 4 de novembro de 2013

EXPERIMENTOS EM GRAVURA


Neste ano de 2013 tenho realizado uma série de gravuras em diferentes suportes (matrizes), tais como papelões pinho ou paraná, gesso, plásticos, Duratex, etc. Abaixo três experimentos (em ordem inversa), breve postarei outras.

Terceiro Experimento



Matriz realizada com verniz acrílico transparente e pigmento (pó xadrez vermelho) e com carborundum (em alguns trechos) sobre uma placa de Duratex e incisões (goivas e formões) nas áreas em branco (a imagem abaixo foi fotografada antes do trabalho de entalhe). Foram feitas algumas impressões (em ocre) e depois a matriz foi novamente retrabalhada em entalhe com goivas e formões e foram feitas novas impressões.


Matriz pintada com verniz acrílico e pigmento antes de ser entalhada

Impressão em relevo, cor ocre.

Impressão em relevo em cor laranja, após a chapa ser reentalhada,

 
Impressão em oco, em preto, sobre a primeira impressão anterior em ocre.
 
Impressão em relevo, em preto, sobre a primeira impressão anterior em ocre.

 
Impressão em oco, em negro, sobre impressão em relevo, em laranja.
 
Segundo experimento

Matriz realizada com verniz acrílico transparente e pigmento e carborundum sobre uma placa de Duratex e entalhe (goivas e formões). A intenção, como a matriz anterior, seria a obtenção de um resultado mais pictórico, e o carborundum foi utilizado para ver se acentuava essa intenção. Foi realizada uma impressão em relevo e outra em oco, e, posteriormente, a cores, em oco e relevo. O carborundum, na impressão em relevo, produz uma textura mais acentuada o que resulta mais claro (o relevo mais acentuado do pó de carborundum não permite que o rolinho de entintagem penetre na textura) e, na impressão em oco mais escuro (porque a textura mais acentuada do carborundum retém mais tinta.

Matriz - a foto foi feita antes do trabalho de entalhe
 
 

Impressão em relevo sobre papel Super Alfa

 
Impressão em calcográfica sobre papel Super Alfa
 

As gravuras seguintes são duas versões a cores dessa matriz. Ambas realizadas com impressão em oco e relevo. Primeiramente a impressão em relevo – na primeira em laranja e na segunda em amarelo – e a segunda impressão em oco, realizada em preto nas duas imagens.
 

Impressão a cores, em oco e relevo (laranja e preto, respectivamente) sobre papel Super Alfa.
 

Impressão a cores, em oco e relevo sobre papel Super Alfa
 
 
Comparação de resultados de impressão em oco e impressão em relevo
 
Comparando do resultado das impressões em oco e em relevo, a impressão em relevo apresenta melhor o traço do pincel. Como o rolinho de entintar atinge somente os grãos mais altos permite melhor a visão dos brancos entre os grãos, dá um resultado de mais contrastes. Por outro lado a impressão em oco dá um resultado mais parecido com a água tinta e à gravura ao carborundum – a tinta penetra mais, a textura é mais compacta.
Mas eu gosto de ambos os resultados. Vejam os detalhes ampliados abaixo:
 
 
 Impressão em oco (detalhe)

 
 
Impressão em relevo (detalhe)
(ressalva: nessa imagem podem-se perceber traços de entalhe de formões que não existiam ainda no momento da impressão em relevo da imagem anterior)
 
 


Primeiro Experimento
             Matriz realizada com papelão Paraná pintado com verniz acrílico transparente (complemento acrílico Suvinil) e pigmento (pó xadrez vermelho). A intenção primeira seria a obtenção de um resultado mais pictórico, o que foi só parcialmente obtido. O desenho obtido não se assemelha propriamente a uma pincelada de pintura, mas produz uma textura interessante, diferenciada.
 

Matriz


Impressão calcográfica em azul



Nenhum comentário: